Praia da Salema entre as 10 melhores do mundo

Algarve Salema 2

O The Guardian coloca a praia algarvia entre as 50 melhores do mundo e entre as 10 melhores para as famílias. A seleção foi feita pelos leitores do jornal.

O jornal britânico escreve que a aldeia piscatória de Salema, no concelho de Vila do Bispo – Algarve, conseguiu escapar ao grande desenvolvimento ou seja ao “boom” da construção. A praia da povoação mantém-se genuína e limpa sob uma bandeira azul que certifica a sua qualidade.

Numa breve descrição, o The Guardian revela as redes dos pescadores “deitadas” na areia branca, as pegadas de dinossauros, que podem ser encontradas preservadas na rocha calcária, e as ondas serenas olhadas, no verão, pelos nadadores-salvadores.

Para além da beleza natural, o jornal revela ainda que ali nada falta para apoiar quem escolha dar um mergulho na Salema. Há espreguiçadeiras e guarda-sois para alugar, casas de banho, duches e , claro, restaurantes e cafés.

Portuguese Food Experience

Algarve - Xarém com Conquilhas
This is Portugal…this is Algarve!

Republic of Foodies
A Secret Food Club & Friends

 

Algarve Natural

Surpresas e encantos de um universo por descobrir

Na multiplicidade algarvia encontram-se espaços em que a Natureza se encontra ainda em estado puro.

Nos parques naturais, nos sítios classificados, ou nos locais de interesse ecológico, sobrevivem espécies, da fauna e da flora, que fora destas áreas estão já em vias de extinção. Outras há que, graças a características muito próprias da região, só aqui se desenvolveram, constituindo património local.

É bom viver no Algarve!
http://www.facebook.com/algarve.pt

Algarve entre os destinos ideais do New York Times

O Algarve está entre os 45 destinos preferenciais sugeridos pelo New York Times para as viagens dos seus leitores em 2012.
A região portuguesa surge em 29º lugar na lista, entre locais tão diversos como as Maldivas, a Antártida ou Londres, capital britânica.
Alexander Lobrano, jornalista responsável por traçar o perfil do Algarve, descreve-o como a “Riviera portuguesa” e dá destaque ao facto de, embora seja um destino turístico por excelência há já muito tempo, estar a trabalhar no sentido de alcançar, no futuro, um público mais abrangente.
Para o fazer, escreve o New York Times, o Algarve “reciclou-se a si próprio” com “novos ou renovados hotéis de luxo que enfatizam o estilo, a autenticidade e a ecologia”, entre os quais sobressai o Hotel Bela Vista, em Portimão, considerado um “exemplo perfeito” com um “design incrível” da autoria de Graça Viterbo.
O perfil traçado enfatiza ainda as áreas mais “sossegadas” do Algarve, como Sagres ou Olhão e não deixa de mencionar as “atrações naturais” algarvias, nomeadamente a Ria Formosa, que permitem desfrutar “da beleza pura das praias de areia branca”.

Clique AQUI para consultar a lista completa de destinos turísticos indicados pelo jornal norte-americano.

Algarve Natural


Surpresas e encantos de um universo por descobrir.

Na multiplicidade algarvia encontram-se espaços em que a Natureza se encontra ainda em estado puro.

Nos parques naturais, nos sítios classificados, ou nos locais de interesse ecológico, sobrevivem espécies, da fauna e da flora, que fora destas áreas estão já em vias de extinção. Outras há que, graças a características muito próprias da região, só aqui se desenvolveram, constituindo património local.

É bom viver no Algarve!
http://www.facebook.com/algarve.pt

Alentejo – Mértola

Alentejo - Mértola

Cá fora, sob uma luz intensa reflectida nas paredes claras, Mértola mostra-se semelhante a muitos locais do Alentejo, com as ruas engalanadas de laranjeiras, pequenos comércios com os produtos locais e trânsito lento. Mas, aos poucos, conforme se entra na zona muralhada e se pisam as gastas lajes, uma história grandiosa revela-se sob os nossos pés e olhos, desmentindo a aparente pequenez do burgo.

É bom viver no Alentejo!
http://www.facebook.com/alentejo.pt

Os dias que correm – Em modo de sobrevivência

Andamos por aí blindados, brincando aos carros de assalto, cada um a pensar na melhor estratégia para defender os seus interesses. Fala-se e ninguém realmente escuta, impacientemente à espera da sua vez de falar. E depois… todos têm tantas opiniões para dar e tanta razão no que dizem!
Quando as coisas azedam, do assunto em discussão passa-se para o ataque pessoal e lá vão mais uns entrechoques, uns riscos e uns arranhões. Fala-se de coisas que nada têm que ver mas há que saber que, em modo de sobrevivência, os egos disparam sem raciocinar sobre tudo o que mexe. E os minutos e as horas passam… nada se decide… nada se conclui. Vai-se lavando roupa suja. E à mão!
Geralmente está tudo muito mais empenhado em ter razão e fazer valer o seu ponto de vista – custe o que custar e sem olhar a meios – do que em ouvir todas as partes, ponderar a melhor solução e chegar a um consenso. Alguns opinam mesmo só por opinar, porque ficar calado é sinal de não se ter opinião – fica mal. Por isso, quando chega a hora de tomar decisões – daquelas que não podem ser adiadas – está tudo exausto e desgastado. Decide-se então à pressa, tendo em pouca conta o que foi dito, porque tem de se chegar a alguma conclusão e já é tarde!
Escute o seu coração!Portugal sem Prozac
Procuramos gente positiva e feliz
http://www.facebook.com/portugalsemprozac